Segunda-Feira, 22 de Julho de 2019    Responsável: Jota Oliveira    Fone: 67 9988-5920

ARTIGO: Bolsonaro, Supremo e Educação! (Prof. Me. Ciro Toaldo)


No último artigo deixamos para escrever sobre as agitações presentes no Brasil em relação ao Supremo Tribunal Federal (STF). Órgão que deveria primar pela justiça, entretanto, a conduta de alguns de seus ministros, fazem com que novos Senadores venham abrir a CPI da Lava Toga; isto corrobora para que, importantes juristas venham pedir impeachment de alguns ministros desta suprema corte.

Neste arsenal, Bolsonaro tem que governar o país no viés de suas promessas de campanha. Para piorar ainda, temos a educação, em que inúmeros professores são ‘fantoches’ do sistema arcaico, defendido pelos sucessivos governos do PT, sendo a doutrinação mais forte que a determinação de ensinar o aluno a ler, aprender e ser intelectual e não um ‘oprimido’.

Amigos leitores – para viver num país justo, antes de tudo é preciso abrir os olhos e perceber quantos estão numa situação cômoda e maravilhosa! Muitos vivem neste outro ‘Brasil’, recebendo aposentadorias ‘gordas’ e inúmeros privilégios. Como estes irão desejar mudança em relação à previdência? Desejarão viver com o teto máximo vinculado ao INSS de R$ 5.839,45 ao mês?

De fato, muito precisa ser mudado neste país e não está fácil para Bolsonaro conduzir seu governo e cumprir suas propostas!  Mesmo que ele tenha inúmeros opositores, ressalta-se que nosso presidente, segundo a revista Time é o único brasileiro com destaque na categoria ‘líderes’. Segundo a mesma revista, ele representa uma ruptura brusca de várias décadas de altos níveis de corrupção e tornou-se a via para colocar o Brasil no viés do seu crescimento.

Enquanto Bolsonaro tem mérito fora do Brasil e se esforça para governá-lo, a esquerda doentia faz de tudo para impedir que suas propostas sejam aprovadas. Não são apenas os esquerdopatas que tentam minar o governo do atual Presidente, também o STF, que pisa na bola em relação à justiça, pois tenta barrar a conduta da Lava Jato e busca dar privilégios a políticos que estão presos. Para isto o Senado, como dito acima, tenta abrir a ‘Lava Toga’ (CPI dos Tribunais Superiores), uma vez que existem indícios de falcatruas nesses Tribunais.

Mas, a questão não fica apenas entre a justiça e a politica, ela é mais profunda, pois se atrela a toda esta parafernália ao setor primordial de uma nação: a educação! Pasmem meus leitores, por vinte anos vivemos no país os infames ditames da chamada educação ‘do oprimido’, onde pelo chamado método Paulo Freire, esboçou-se o sistema de ensino ligado ao marxismo cultural gramsciano em que o importante era doutrinar o aluno, vitimá-lo para sentir-se oprimido. Assim, além de não aprender nada, tornava-se presa fácil para defender o sistema socialista e ser um ardoroso e ferrenho opositor do sistema capitalista.  

É vergonhoso verificar os péssimos índices que atinge nosso sistema educacional, estamos entre os últimos colocados. Mas, há uma solução para isto: tornar o aluno um hábil estudante, sem vitimização e, sobretudo com vontade de ser um vencedor na vida! Se conseguíssemos essa proeza, começaríamos a tirar o Brasil do arcaísmo educacional que se encontra. Assim, haveria maior mobilização e sem tanta manipulação politica e da justiça, como vê na atualidade.

Abra os olhos e acorde enquanto tiver tempo!.

 

AUTOR: Professor Mestre Ciro José Toaldo.    


Fonte: Prof. Me. Ciro José Toaldo